ARARIPINA: Coordenadores do Bolsa Família em Araripina tiram dúvidas da população sobre auxílio

Larissa Modesto e Rodrigo Simário / Foto: Blog do Roberto Araripina

A nova rodada do auxílio emergencial vai beneficiar cerca de 45 milhões de brasileiros em quatro parcelas que começarão a chegar ao iniciar o mês de abril. O Programa Araripina Urgente, da rádio Arari FM, convidou os coordenadores do ‘Bolsa Família’ Rodrigo Simário e do ‘CadÚnico’ Larissa Modesto, de Araripina, para esclarecerem alguns questionamentos enviados por ouvintes. O dinheiro ainda não foi liberado, mas em alguns casos, as pessoas alimentam receios, se vão receber ou não o benefício já que houve algumas mudanças. Vale frisar, que os beneficiários do Bolsa Família têm direito ao auxílio também, mesmo assim, o governo vai verificar mensalmente os cadastros, para saber se a família continua atendendo aos critérios.


Nas novas regras se encaixam as pessoas desempregadas que receberam o benefício até dezembro de 2020, as pessoas que acabaram de ficar desempregadas e as novas cadastradas. Quem recebe o BPC (Benefício de Prestação Continuada) não vai receber o auxílio, somente se for para complementar à renda da família e as pessoas que recebem benefícios do governo também não poderão receber. “De acordo com os critérios, uma mulher, se for mãe, chefe de família, se ganha, por exemplo, R$ 250 reais, ela vai receber o novo valor do auxílio, que é de R$ 375 para mães solteiras”, explicou Rodrigo.


Para se cadastrar no CadÚnico, é necessário ter o CPF em situação regular, se estiver registrado no NIS (Número de Identificação Social) e aguardar que o governo divulgue o calendário de pagamentos. A atualização cadastral está em andamento desde 14 de março, conforme o mês de nascimento dos clientes. O coordenador pediu que as pessoas usem o aplicativo ‘CAIXA TEM’, ele foi criado para facilitar o acesso de todos os brasileiros a serviços e transações bancárias de Conta Digital Social. “É preciso atualizar o aplicativo Caixa Tem para saber se tem direito, assim que a pessoa abrir ela vai saber se precisa.


Lembrando que tem dois anos que o governo não aprova o Bolsa Família, o auxílio só vale para quem foi aprovado no emergencial de 2020”, disse Larissa Modesto.

O Programa Bolsa Família de Araripina, está atendendo por agendamento que pode ser solicitado através do WhatsApp 87 98149-6167.


Por Cidinha Medrado/ Blog do Roberto

1 visualização0 comentário