Com emendas de Odacy e articulação da deputada Dulci Amorim vai garantir Centro de Comercialização


Uma iniciativa que será um verdadeiro divisor para pequenos, médios e grandes produtores do Sertão do São Francisco está cada vez mais perto de virar realidade.



O Governo do Estado está empenhado na construção do Centro de Comercialização do Sertão Pernambucano em Izacolândia, zona rural de Petrolina.


O empreendimento tem como meta principal facilitar o escoamento da produção rural tanto da agricultura familiar, quanto de produtores de médio e grande porte. "Ainda em 2019, sugerimos que o antigo posto fiscal de Izacolândia fosse transformado em um Centro de Comercialização do Sertão Pernambucano. Nossa ideia contou com o esforço inicial da Adepe, que investiu R$ 350 mil. Agora, através de emendas parlamentares impositivas que foram do meu mandato como deputado estadual, serão investidos mais R$ 960 mil", anunciou Odacy Amorim.


Para consolidar o Centro, além do recurso em emendas, através do esforço de articulação da deputada Dulci, o Governo Estadual se comprometeu em investir mais R$ 1 milhão na obra.


Nesta terça-feira (19), a deputada Dulci e Odacy Amorim fizeram uma visita técnica ao local onde funcionará o entreposto. Além da dupla, visitaram as instalações o presidente da Associação do Monsueto de Lavor, Jorge Lima; o coordenador operacional do Ceasa Pernambuco, Gildo Tomaz e do diretor-técnico operacional do Ceasa Pernambuco, Paulo de Tassio.


A deputada Dulci Amorim salientou que o futuro Centro de Comercialização vai beneficiar toda a região do Sertão do São Francisco, em especial os municípios de Petrolina, Lagoa Grande, Santa Maria da Boa Vista e Orocó. "O entreposto amplo, como toda a infraestrutura para atender os produtores, localizado às mensagens da BR-428, vai fomentar inclusive o comércio local. Temos certeza que Izacolândia vai vivenciar, em pouco tempo, uma grande transformação na sua história com esses quase R$ 2 milhões de investimentos", defendeu a parlamentar sertaneja.

3 visualizações0 comentário