Ex-gerente da Emissora Rural de Petrolina Padre Bianchi morre de covid-19


O padre Bianchi Xavier morreu de Covid-19 aos 69 anos na manhã desta quarta-feira (12) em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. Ele estava internado no Hospital da Unimed desde o início do mês, quando foi diagnosticado com pneumonia. Padre Bianchi contraiu a Covid na unidade de saúde. Por meio de nota, o padre Alexsandro Jorge, vigário forâneo, lamentou a morte. “Com pesar, nesta véspera da Virgem Santíssima, a Senhora de Fátima, confiamos a alma do nosso Irmão Pe. Bianchi Xavier, sacerdote de Cristo. Rezemos por seu descanso eterno”, disse. Também através de nota, a Diocese de Caruaru, por meio do bispo Dom José Ruy, prestou sentimentos à família do sacerdote: “Completou sua missão aqui na Terra, mas permaneceu firme na fé. Rezemos por este sacerdote tão amado por todos, que comunicava com alegria a palavra de Deus. Agora comunica a fé na ressurreição para nós. A Diocese de Caruaru […] une-se ao Clero, familiares e todos os diocesanos neste momento“. Manoel Francisco Xavier, mais conhecido como padre Bianchi, dedicou 37 anos ao sacerdócio e atualmente era pároco da Igreja Nossa Senhora de Fátima, no bairro Boa Vista. Por vários anos ele foi gerente da programação da Rural/A Voz do São Francisco, em Petrolina, até ser transferido para Caruaru. Antes de ser padre, Bianchi Xavier cantava na caravana de Ivan Bulhões e foi lançado na antiga Rádio Difusora. Ivan morreu em março deste ano após sofrer um AVC.


(Fonte: G1-Caruaru e Região)


47 visualizações0 comentário