Governo de PE anuncia concurso público para a Secretaria de Educação



Paulo Câmara (PSB), governador de Pernambuco, sanciona nesta quarta-feira, 13 de outubro, o projeto de lei do Programa Monitoria PE. Ao lado do secretário Marcelo Barros, o governador ainda assina decreto do bônus de Desempenho Educacional e anuncia concurso público para a Secretaria de Educação.


O comunicado sem maiores detalhes foi passado para imprensa nesta tarde de 12 de outubro, feriado nacional da Padroeira do Brasil, Nossa Senhora de Aparecida. Na próxima sexta-feira (15), é comemorado o do Dia do Professor, e a categoria em Pernambuco aguarda com grande expectativa a sanção por parte do governador Paulo Câmara sancione nesta a lei que altera o critério de concessão do bônus. O salário extra pode já ser pago justamente na sexta-feira. O investimento estimado é de R$ 52 milhões.


A rede estadual tem cerca de 39 mil docentes ativos, entre efetivos e temporários. Desse total há aproximadamente 19 mil efetivos, segundo a Secretaria Estadual de Educação, justamente os que ganham o Bônus.


O BDE é regulamentado pela lei nº 13.486, de julho de 2008. É pago a todos os funcionários das escolas estaduais e das Gerências Regionais de Educação (GREs) que consigam atingir as metas pactuadas. Só recebe o bônus a unidade que alcançar no mínimo 50% dessas metas.

19 visualizações0 comentário