Na semana da mulher, ginecologista araripinense chama atenção para as doenças mais graves

Por Cidinha Medrado para o Blog do Roberto Gonçalves

A semana da mulher, no sertão, reuniu uma série de assuntos a serem debatidos na sociedade em relação a direitos à saúde. Em uma participação especial nessa segunda-feira (08), no programa Araripina Urgente da Rádio Arari FM, a médica ginecologista Késia Holanda, esclareceu pontos importantes sobre as doenças graves que mais atingem as mulheres, e chamou a atenção feminina para o câncer de colo do útero, gravidez indesejada e fertilidade. “A ginecologia é bastante abrangente.Para que a gente se previna de doenças, existem várias importâncias na área, como a concepção, que é uma barreira para mulher não engravidar, porque é muito importante ter um planejamento familiar. As doenças que as ‘meninas’ reclamam mais, são a endometriose, dores abdominais e TPM”, disse a médica. Os serviços oferecidos pela profissional abrangem os assuntos mais complexos da ginecologia. Drª Késia atende na Clínica Pró Saúde em Araripina, Trindade e algumas cidades do Sertão do Piauí. Para mais informações, o telefone é 87 9 3873 3424 e 87 9 9243 5558 para WhatsApp.

0 visualização0 comentário