OURICURI: Delvânia Sobral rebate críticas de Esdras Parente


A vereadora Delvânia Sobral (PSDB), rebateu as críticas proferidas pelo vereador Esdras Parente (Solidariedade) em uma discussão acirrada no segundo expediente da reunião dessa terça (22), a quem analisou de forma negativa, a maneira como mensurou algumas atividades sociais praticadas por ela. Em seu pronunciamento, a vereadora respondeu às negativas do colega, quando ele disse que ela costuma requerer no setor de saúde, exames para pessoas de seu conhecimento.


“Eu acho que eu não desrespeitei ninguém e nem o vereador Esdras como ele fez a colocação há pouco tempo, mas aí também falei da dificuldade porque mesmo tendo as ofertas, são inúmeras pessoas que necessitam ao mesmo tempo e que sabemos que existem cotas que são concedidas a umas, e outras não alcançam estas cotas, falei sobre essa dificuldade, se for discutir sobre isso, vou repetir novamente, a questão do ensino né para a formação por exemplo, vejo o vereador Massilon sempre presente ouvindo o anseio da sociedade, vejo, parabéns! Vejo você sempre conversando com as pessoas e com certeza todo mundo tá ali reivindicando algo que necessita, então eu acredito que tem um prazo que vai ter para dar uma resposta, todo mundo vai ficar sabendo como funciona. Nós vamos à luta em busca de outro tipo de profissional que não esteja na planilha do município, como a gente vem fazendo, para ajudar as pessoas mais necessitadas, e eu quero parabenizar o prefeito Ricardo Ramos que contratou o serviço da clínica do coração, Dr Mano, um profissional exemplar é que cuida do coração de todos nós, então já é um avanço, este serviço de ecocardiograma e esteira de elétrons, fiquei muito feliz em saber e conversei com usuários que já estão sendo atendido neste serviço”, disse ela.


A vereadora observou também que o vereador usou o seu tempo regimental para argumentar uma discussão sem frutos e sem provas, além de taxar o governo municipal de omisso e ausente. Para ela, é um tipo de debate que não traz ganhos e atrapalha a convivência. Sobre as questões de saúde ela disse que tem pedido ao governo que obtenha novidades e aumente as contas de exames para as pessoas mais necessitadas.


“Então só tem que achar esse entendimento, não foi desrespeito porque se você hoje me convidar para ir em qualquer lugar, onde o serviço não esteja acontecendo, eu vou sim, com qualquer um de vocês porque eu tô aqui para trabalhar pelo povo, eu fui eleita pelo povo e pelo povo vou fazer o que posso em busca de resolução para que as coisas aconteçam em nosso município, fiquei um pouco chateada aliás até me envergonhei quando você falou que ia me dar o troco. Há 4 ano e 6 meses que sou vereadora dessa casa, as pessoas na ruas me conhecem, não vou dizer que não tenho falha, pois o ser humano tem falhas, eu peço que você reveja suas atitudes, não vou dizer que vou revidar porque eu não trabalho com disputa, eu trabalho com diálogo”, continuou ela.


By Cidinha Medrado

61 visualizações0 comentário