OURICURI: homens conseguem fugir da Polícia após denúncia de caça predatória em Sítio Caraíbas


Na noite dessa segunda-feira (16), policiais militares do 7º Batalhão receberam uma denúncia de caça predatória em Sítio Caraíbas, zona rural de Ouricuri, a prática é constante no local, até as providências policiais. Ao chegar no local, o policiamento ouviu os disparos de armas de fogo, ao perceber a presença dos policiais, alguns homens fugiram pela caatinga. Durante as buscas nas imediações, foram localizadas espingardas de fabricação artesanal (“soca-soca”), e uma pequena quantidade de uma substancia análoga à maconha.


A ocorrência foi registrada na Delegacia da Polícia Civil de Araripina para as providências cabíveis. A chamada Caça furtiva ou caça predatória é tradicionalmente definida como caça ilegal, morte, ou captura de animais selvagens, associada com direito de propriedade. A Lei Federal 5.197/1967 proíbe a caça dos animais de quaisquer espécies no país, em qualquer fase do seu desenvolvimento e que vivem naturalmente fora do cativeiro


Cidinha Medrado

31 visualizações0 comentário